NOTICIAS | FORTALEZA

Prefeitura retoma editais relacionados à educação

Os procedimentos tinham sido suspensos por conta do decreto de calamidade ocasionado pela pandemia do novo Coronavírus
Postado em 23/05/2020 | 20:00
Foto: Divulgação/PMF

Após a suspensão das atividades da Central de Licitações de Fortaleza (CLFor), por conta do situação de calamidade pública causada pelo novo Coronavírus, o Executivo anunciou a retomada de editais relacionados à educação municipal. Um dos processos licitatórios se refere à implantação de um novo modelo de construção, reforma e manuntenção das escolas e o outro para implantação de energia limpa nos equipamentos. 

Em ambos editais, está prevista a concessão dos serviços e prédios pelos próximos 25 anos. Articulada por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME) e da Coordenadoria de Fomento à Parceria Público-Privada (PPPFor), a ação é resultado do Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI). 

Os interessados no primeiro edital têm até as 13h00 do dia 18 de junho de 2020 para entregar os envelopes com documentos de habilitação, proposta de valor e plano de negócios, na sede da CLFor, no Centro de Fortaleza.

“Com esse novo modelo, o corpo pedagógico da escola ficará focado no aluno e no aprendizado, enquanto um sistema garante o pleno funcionamento da escola em qualquer situação, com uma empresa prevenindo situações infraestruturais precárias. Esse novo paradigma é uma aposta em função de experiências exitosas. Com um ambiente digno, em plenas condições de exercício, ganham os alunos e os professores”, avalia o secretário executivo Joaquim Aristides, da Secretaria Municipal de Educação.

Sobre o segundo edital, os interessados devem entregar os envelopes com a documentação de credenciamento e garantia da proposta, documentos de proposta técnica, documentos da proposta de valores e documentos de habilitação até 7 de julho, às 10h15. 

“Com a Parceria público-privada, a Prefeitura visa otimizar o custeio da troca de lâmpadas e equipamentos, por meio da eficientização energética e também a produção de energia para esses equipamentos por meio da matriz solar. Além de garantir o valor pago pelo Município pela energia consumida, dado que o valor da tarifa vem subindo muito acima da inflação nos últimos 10 anos”, pontua o coordenador da PPPFor, Rodrigo Nogueira.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO