NOTICIAS | FORTALEZA

Fortaleza registrou 3.855 ocorrências relacionadas à chuva

Prefeitura realiza ações de limpeza e drenagem para evitar alagamentos na cidade
Postado em 14/01/2020 | 14:27
Foto: Arquivo/Cnews

As chuvas da pré-estação já chegaram em janeiro, mas a quadra invernosa só começa oficialmente no Ceará, a partir de fevereiro. A Prefeitura de Fortaleza tenta se antecipar às precipitações com ações de limpeza de 156 canais e lagoas, bocas de lobo, podas de árvores, além de soluções de drenagem em bairros da capital, que sejam mais vulneráveis a alagamento.

No ano passado, a Defesa Civil registrou 3.855 ocorrências relacionadas a problemas com chuvas. A Prefeitura já providenciou o estoque de material para socorro imediato de famílias que sejam desalojadas das suas casas, em caso de chuvas mais fortes, revelou Renato Lima, coordenador Especial de Articulação das Secretarias Regionais.

Ainda não existe uma previsão definitiva se as chuvas na capital vão ser acima da média histórica. Mas o alerta é que a população redobre as atenções sobre a questão do descarte irregular do lixo na rua, que pode vir a agravar os problemas de alagamento, comenta o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio. 

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) só apresenta o prognóstico da quadra chuvosa de 2020 na segunda quinzena de janeiro. Mas pelo que foi registrado no ano passado, o mês de abril é o de maior registro de chuvas na capital. Em 2019, a média de precipitações em Fortaleza chegou a 355 milímetros.

JANEIRO
A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou 105.40 mílímetros de chuvas no mês de janeiro, em Fortaleza. 

 

Para denunciar sobre descarte irregular, o cidadão pode entrar em contato com a Prefeitura pelo número 156.

Com informações de Rogério Gomes, da TV Cidade

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO