NOTICIAS | POLÍCIA

Suspeitos de matar estudante de gastronomia são presos

A vítima foi localizada com um buquê de rosas e uma caixa de chocolates
Postado em 13/01/2020 | 21:06
O corpo do jovem foi encontrado com flores e chocolate, em Fortaleza. (Foto: Arquivo pessoal)

Quase dois anos após a morte de Diego Gonçalves Lima Monteiro, estudante de gastronomia da Universidade Federal do Ceará (UFC), a Polícia Civil prendeu os suspeitos de participação no crime na última sexta-feira (10). O caso continua sendo investigado pela 5ª delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O corpo de Diego foi encontrado na rua Joaquim Moreira, no entorno da Lagoa da Parangaba, em 29 de março. Entretanto, a identificação aconteceu apenas em abril. A vítima foi localizada com um buquê de rosas e uma caixa de chocolates. 

Diego era natural de Araraquara (SP), mas residia no Ceará, onde cursava a segunda graduação. O homem também tinha formação em Farmácia. Após a identidade ser confirmada, colegas da graduação fizeram um protesto na Reitoria da UFC, no Benfica. 

Mais detalhes em breve

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO