NOTICIAS | POLÍCIA

Preso homem acusado de mandar matar empresário

O assassinato foi motivado por uma dívida de R$ 7 mil
Postado em 09/01/2020 | 12:08

A Polícia Civil de Pacajus prendeu o acusado de ordenar o assassinato do empresário Rafael Alves de Holanda, 30 anos, que foi encontrado morto dentro do próprio veículo na noite da última terça-feira (7). A vítima era proprietária de duas lanchonetes do município e revendia veículos usados.

Segundo a Polícia Civil, Genilson Sousa Silva era amigo da vítima e foi o mandante do crime. O assassinato foi motivado por uma dívida. 

Conforme as investigações, Genilson tinha uma dívida de R$ 7 mil reais com Rafael e estava incomodado com as constantes cobranças da vítima. Irritado, ele contratou dois homens para matar Rafael. Os atiradores seguem foragidos.

O corpo do empresário foi encontrado por populares que acharam o veículo dele abandonado em uma rodovia. O carro estava com as portas abertas e Rafael estava caído no banco do automóvel com marcas de tiros. A vítima era casada e tinha quatro filhos pequenos.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO