NOTICIAS | CEARÁ

Estudante que fez selfie não sofreu fraturas

Segundo Rômulo Sampaio, irmão de Davi, o estudante fez a fotografia para acalmar os parentes
Postado em 16/10/2019 | 14:17
A foto viralizou em grupos de WhatsApp e redes sociais. 

A família do estudante de arquitetura Davi Sampaio Martins (22), está aliviada. O garoto, que fez uma selfie enquanto estava nos escombros do prédio que desabou no bairro Dionísio Torres, em Fortaleza, está internado em um hospital particular próximo do local da tragédia, na avenida Antônio Sales. Apesar do susto, o jovem não teve fraturas, mas está sendo avaliado por conta do trauma causado pela situação. 

Segundo Rômulo Sampaio, irmão de Davi, o estudante fez a fotografia para acalmar os parentes. Ivaneide Eugênio Sampaio, mãe do universitário, agradeceu pela vida do filho, mas lamentou pelas duas mortes confirmadas até então. "Daqui para frente, não tem mais nada que a gente consiga vencer", comemora. A família morava no primeiro andar do Edifício Andrea. 

Ivaneide acrescenta que conversou com o filho sobre o que aconteceu no momento do desabamento. Davi viu uma parede ceder e correu para uma escada para tentar sair, mas era tarde e ele teve que se esconder em meio aos escombros. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por O portal de notícias da Cidade (@portalcnews) em

Com informações de Iva Soares, da TV Cidade 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO