NOTICIAS | POLÍCIA

Justiça condena homem que divulgou feminicídio na internet

Além de matar adolescente, acusado publicou cenas do crime nas redes sociais
Postado em 13/08/2019 | 16:34
A morte de Eloneide foi publicada nas redes sociais. (Foto: Arquivo/TV Cidade)

A Justiça cearense condenou o vendedor de milho Francisco Caio Ferreira de Menezes, conhecido como "Abraão", por homicídio duplamente qualificado contra a adolescente Eloneide do Nascimento Garcia, que tinha 17 anos. Além de executar, o homem divulgou cenas do crime nas redes sociais. 

Segundo denúncia do Ministério Público do Ceará (MPCE), na noite de 15 de fevereiro de 2018, o réu, com a ajuda de dois adolescentes, levou a vítima até o Paredão do Mirante, localizado nas proximidades da avenida Vila do Mar, no bairro Colônia. A jovem teve os cabelos cortados e foi atingida por vários disparos de arma de fogo. O momento do crime foi registrado em vídeo e divulgado nas redes sociais. Ainda segundo a promotoria, as razões para o crime foram disputas entre facções rivais.

O vendedor foi denunciado por homicídio duplamente qualificado: motivo torpe e emprego de tortura. A pena de 13 anos de reclusão será cumprida em regime inicialmente fechado.

O caso foi denunciado pela TV Cidade Fortaleza. Relembre:

Leia também: Trio invade casa, assalta e estupra mulher em Maracanaú

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO