NOTICIAS | CEARÁ

Estradas devem ser recuperadas em seis meses

Danificados durante o período chuvoso, os trechos receberam investimento de R$ 219.402.046,16 para a execução da obra
Postado em 05/07/2019 | 15:59
Camilo Santana durante assinatura da Ordem de Serviço. (Foto: Tiago Stille/Divulgação)

Cinquenta e nove rodovias cearenses serão recuperadas pelo poder público. Danificados durante o período chuvoso, os trechos receberam investimento de R$ 219.402.046,16 para a execução da obra. A Ordem de Serviço foi assinada nesta sexta-feira (5), e o trabalho deve ser finalizado em até seis meses. 

“Nossa preocupação hoje, com o anúncio dessas ordens de serviço é deixar as estradas em bom estado de conservação. Nós vamos fiscalizar as obras com rigor para que elas sejam de fato feitas com qualidade, para que as obras aconteçam dentro do tempo previsto. Quero que sejam obras de qualidade para a população. Estamos liberando a ordem de serviço para que todas as estradas estejam seguras e sinalizadas para o tráfego nas nossas estradas até o final do ano”, afirmou o governador, que também lembrou do fato de que obras de manutenção e tapa-buracos já estão sendo feitas em todas as regiões.

Os 59 trechos a serem atendidos foram identificados por estudos da Superintendência de Obras Públicas (SOP), que levou em consideração as reais condições de tráfego após a quadra chuvosa e sobre a melhor forma de realização dos reparos necessários para cada uma das rodovias avaliadas.

“Nós fizemos um trabalho que durou cerca de 60 dias. A superintendência possui hoje 11 residências no Interior que facilitam a avaliação desses 11 mil quilômetros que cobrem o Estado. Nós temos toda a condição técnica de colocar os engenheiros em campo com as terceirizadas e fazer os levantamentos que forem necessários. Nesses 60 dias, chegamos ao resultado final de 59 trechos recuperados, passando também para o novo valor de aproximadamente R$ 220 milhões”, apontou o titular da SOP, Quintino Vieira.

Foto: Arquivo/Cnews

Municípios beneficiados
As obras estão divididas em cinco lotes de rodovias estaduais e serão tocadas por seis empresas. Os lotes estão agrupados da seguinte forma: Lote 01 (Região Metropolitana de Fortaleza); Lote 02 (Região de Itapipoca e Sobral); Lote 03 (Região de Iguatu e Crato); Lote 04 (Região de Aracoiaba, Limoeiro do Norte e Quixeramobim); e Lote 05 (Região de Santa Quitéria, Crateús e Tauá). Ao todo serão 86 municípios contemplados.

Investimento
O orçamento do programa inclui sinalização, pavimentação e revestimento asfáltico. O pacote abrange 28 segmentos de ligação a rodovias federais, trazendo mais facilidade de deslocamento entre diferentes localidades e mais segurança para o transporte de cargas.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 
AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO