NOTICIAS | FORTALEZA

Passageiros fizeram mais de duas milhões de integrações

Número corresponde ao mês de maio. No ano passado, número de integrantes é superior a 23 milhões
Postado em 16/06/2019 | 18:39
Foto: Divulgação/Prefeitura de Fortaleza

Implantado há seis anos em Fortaleza, o Bilhete Único permite ao cidadão pagar apenas uma tarifa em seus deslocamentos para qualquer destino, no intervalo de duas horas. Em maio, o número de vezes que o serviço foi utilizado ficou em 2.364.575. Em 2018, foram realizadas 23.466.943 integrações. 

Atualmente, o número de beneficiários do Bilhete Único (BU) em Fortaleza já chega a 1.434.832. Entre os usuários, temos 704.438 que utilizam o BU (tipo empresa ou avulso) e 383.675 que usam as carteiras estudantis, que podem receber créditos. Entre as gratuidades, o Cartão do Idoso conta com 294.266 beneficiados, o cartão para pessoa com deficiência possui 24.099 cadastrados e o Bilhetinho chega a 28.354 usuários. Este último é utilizado por crianças de 0 a 7 anos incompletos ou com medida abaixo de 1,10m.

O sistema de transporte coletivo de Fortaleza registra diariamente 92.517 integrações/dia. Entre as dez linhas mais procuradas para integração, destacam-se as linhas 855-Bezerra de Menezes/Washington Soares (1.664), 075 – Campus do Pici/Unifor, 703-Paupina/Pici, 650-Messejana/Centro/Br Nova/Expresso, 011-Circular I e II, 030-Siqueira/Papicu/13 de Maio, 073-Siqueira/Praia de Iracema e 041-Parangaba/Oliveira Paiva/Papicu.

Uso exclusivo de cartões em ônibus na mira do Legislativo
No fim de outubro do ano passado, Fortaleza iniciou um processo de substituição de linhas de ônibus. Com isto, algumas começaram a circular sem cobrador e apenas aceitavam pagamento com bilhetes eletrônicos. A mudança foi questionada por usuários e funcionários de empresas de transporte público. Enquanto os primeiros reclamam da dificuldade para usar os coletivos, os segundos denunciam demissão em massa de trabalhadores.

O vereador Evaldo Costa (PRB), entrou com uma representação no Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon) contra a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Ceará (Sindiônibus), contra o que considera prática abusiva, a recusa do pagamento em dinheiro. A medida, segundo o vereador, vem gerando transtornos e constrangimentos aos passageiros, fere direitos dos usuários e se com enquadra como contravenção penal.

Solicitação e recarga
Para facilitar o acesso dos passageiros, o Bilhete Único (BU) agora é emitido na hora. Para isso, basta ir a um posto de cadastro nos terminais, ao Vapt Vupt ou à sede do Sindiônibus, com CPF, RG e comprovante de residência atualizado com CEP (impresso ou digital). Em caso de perda ou roubo, o cidadão deve pagar o valor equivalente a 10 passagens.

Quem utiliza o vale-transporte eletrônico pode transferir o saldo para o BU e usufruir de seus benefícios. A recarga também foi facilitada, podendo ser realizada de forma online, pelo aplicativo Meu ônibus, pelo Internet Banking do Banco do Brasil ou site, ou de forma presencial em mais de 3 mil estabelecimentos cadastrados. Os usuários também podem renovar seus cartões gratuitamente nos postos de atendimento.

Onde solicitar o Bilhete Único Urbano:
- Sindiônibus (Av. Borges de Melo, 60)
- Terminais (Siqueira, Parangaba, Papicu - segunda a sexta, das 7h às 19h)
- Vapt Vupt (Messejana e Antônio Bezerra - segunda a sexta, das 8h às 17h)
- Praça Coração de Jesus (segunda a sexta, das 8h às 18h)
- Shopping Riomar Kennedy e Aldeota (segunda a sexta, das 08 às 18h)

Documentos necessários:
- RG, CPF e comprovante de endereço (somente originais)

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO