NOTICIAS | FORTALEZA

Manifestantes não podem impedir funcionamento do comércio

Pelo menos 18 cidades cearenses vão realizar atos na próxima sexta-feira (14), contra a proposta de reforma da Previdência
Postado em 11/06/2019 | 21:27

             

Uma liminar do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), da 7ª Região, determina que os Sindicatos dos Empregados do Comércio de Fortaleza, se abstenham durante manifestações, invadir as lojas, forçar o fechamento das portas dos estabelecimentos comerciais, ameaçar e constranger lojistas, clientes e trabalhadores, causar dano ao patrimônio dos comerciantes.

A liminar foi impetrada pela Fecomércio-CE e pelo Sindilojas Fortaleza e o TRT deu ganho de causa para ambas as entidades no dia 17 de outubro de 2018. As duas instituições consideram legítimas as manifestações, desde que não sejam abusivas e não firam os direitos constitucionalmente garantidos de outras pessoas.

Pelo menos 18 cidades cearenses vão realizar atos na próxima sexta-feira (14), contra a proposta de reforma da Previdência do Governo Bolsonaro. A expectativa é que a manifestação seja realizada em todo o país.

Veja a lista com os nomes da cidades:

Aquiraz, Barreira, Beberibe, Caucaia, Fortaleza, Icó, Iguatu, Iracema, Itapipoca, Limoeiro do Norte, Maracanaú, Milhã, Pacujá, Quixadá, Juazeiro do Norte, Russas e Sobral.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO