NOTICIAS | CEARÁ

Feridos em fábrica clandestina são transferidos para IJF

Uma das vítimas teve 70% do corpo queimado, enquanto outro ferido, ficou com 10%
Postado em 03/05/2019 | 19:42
Foto: Ciopaer/Divulgação

Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) realizou o transporte de duas vítimas do incêndio registrado em uma fábrica clandestina de fogos de artifício, em Juazeiro do Norte, no Cariri. Os feridos, um homem de 50 anos e outro de 33 anos, sofreram queimaduras pelo corpo. Eles foram trazidos para o Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza. 

As duas vítimas foram levadas por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do Ceará (Samu Ceará) até a base da Ciopaer no Cariri, em Juazeiro do Norte, de onde a aeronave Fênix 07 realizou o transporte.

O trajeto entre o território caririense e a capital durou 1 hora e 45 minutos. O helicóptero pousou na sede da Coordenadoria e de lá até o Instituto Doutor José Frota (IJF). Conforme dados das equipes médicas, o paciente mais velho teve queimaduras em 70% do corpo, enquanto o outro ferido, de 33 anos, vítima da segunda explosão, ficou com 10% do corpo queimado.

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, apura as circunstâncias do fato. A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) também foi acionada para atuar no caso, realizando a perícia do local. O trabalho de rescaldo do Corpo de Bombeiros continuou durante esta manhã.

Sobre o caso:

Vizinhos arrombam casa para salvar idosa, após explosão

Motorista de retroescavadeira fica ferido em nova explosão

Explosão destrói fábrica clandestina em Juazeiro do Norte

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 
AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO