NOTICIAS | POLÍTICA

Debate na Câmara tira dúvidas sobre mudanças na Previdência

Críticos afirmam que reforma tira direitos dos mais pobres
Postado em 15/04/2019 | 18:26
Fotos: Divulgação

A Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor) iniciou a semana com um debate nesta segunda-feira (15), sobre as mudanças na Previdência Social defendidas pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL). O auditório Vereador Ademar Arruda recebeu vários segmentos sociais e profissionais, população, instituições e entidades sindicais. 

O presidente do legislativo municipal vereador Antônio Henrique (PDT), abriu a Audiência Pública. “É uma discussão que interessa a todos nós, pois implica no futuro da aposentadoria de todos os trabalhadores. Vamos entender melhor a proposta que foi apresentada pelo Governo e propor ideias com a presença de especialistas no assunto”, destacou.

Além de Antônio Henrique, a mesa foi composta pelos vereadores Iraguassú Filho (PDT), Gardel Rolim (PPL) e Guilherme Sampaio (PT), pelo ex senador da República, José Pimentel e o deputado federal Mauro Filho (PDT).

O primeiro a usar a tribuna foi o deputado Federal Mauro Filho que defendeu que “o que errado com essa proposta é que querem fazer a correção dos problemas da Previdência, prejudicando os menos favorecidos”.

O ex-senador e ex-ministro da Previdência, José Pimentel, afirmou que “essa reforma tem como objetivo tirar os poucos direitos que os mais pobres têm no Brasil. Eles pegam o Beneficio de Prestação Continuada (BPC) que é assegurado a todo o idoso que tem mais de 65 anos de idade, que é miserável e a renda familiar é de até um quarto de salário-mínimo e eleva a idade para 70 anos e só a partir daí ele volta a receber o salário-mínimo. Abaixo de 70 anos o aposentado vai receber uma média de 400 reais por mês. Isso é um absurdo”.

Entre os presentes estavam: Sindicatos dos Contabilistas, dos Oficiais de Justiça do Ceará, dos Assistentes Sociais do Ceará, dos Servidores, Sindicato dos Empregados Públicos do Município de Fortaleza, Central Única dos Trabalhadores (CUT), Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 6ª Região Ceará (Crefito 6), Ordem dos Advogados do Brasil Secção Ceará (OAB/CE), dentre outros.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO