NOTICIAS | POLÍTICA

Após cassação de prefeita, Cascavel terá novas eleições

Prefeita e vice estão inelegíveis por 8 anos
Postado em 12/02/2019 | 08:32

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) aprovou novas eleições no município de Cascavel no próximo dia 17 de março. Por enquanto, o Executivo da cidade está sendo liderado interinamente por Sebastião Uchoa (PDT), presidente da Câmara dos Vereadores. De acordo com moradores da região, antes de entrar na política o parlamentar trabalhou como motorista da ex-prefeita Ivonete Pereira (PDT). 

A sentença de cassação dos diplomas da prefeita de Cascavel, Francisca Ivonete Mateus Pereira, e do vice-prefeito, Waltemar Matias de Sousa, havia sido mantida pelo TRE-CE na sessão plenária de 28 de janeiro. Tratava-se de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral por abuso de poder político nas Eleições 2016. Os recorrentes ficaram inelegíveis por 8 anos. Dentre os fatos motivadores da decisão, estão contratação excessiva de servidores temporários e fraudulenta de estagiários, utilização de veículos do transporte escolar na campanha eleitoral e repasse irregular de verbas para associações.

Segundo as investigações, a chapa repassou irregularmente recursos públicos à Associação dos Universitários de Cascavel, favorecendo grupo de jovens que apoiavam o partido dela.

As denúncias ainda incluem liberação em quantidade desproporcional de benefícios previdenciários em 2016, ano da eleição. Por fim, Ivonete e Waltemar teriam usado ônibus escolares municipais irregularmente na campanha para divulgação da candidatura.

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO