NOTICIAS | BRASIL

Vítimas estão sendo identificadas e liberadas para enterro

As imagens das arcadas dentárias facilitam a identificação e legistas não precisam do recurso de DNA
Postado em 09/02/2019 | 09:41

Até o momento, quatro vítimas já foram reconhecidas, e duas delas, liberadas. O Instituto Médico-Legal já está com as imagens das arcadas dentárias das 10 vítimas, que foi cedida pelo clube para agilizar a identificação dos corpos, já que muitos foram carbonizados.

O incêndio aconteceu ontem de manhã, dentro do alojamento no Centro de Treinamento do Flamengo, conhecido como Ninho do Urubu. Três adolescentes conseguiram fugir, entre eles, dois cearenses. O último boletim cedido pelo clube, foi divulgando no fim da tarde de ontem, atualizando o estado de saúde dos sobreviventes.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que os atletas Cauan Emanuel e Francisco Dyogo estão em situação estável no Hospital Vitória, ambos acordados e conscientes. Os meninos apresentam algumas lesões de via aérea por inalação de fumaça e escoriações pelo corpo e seguem em observação, ficando internados na UTI de hoje para amanhã, sábado (9). O chefe do Departamento Médico do Flamengo, Dr. Márcio Tannure, e o clínico cardiologista do Vitória, responsável pela internação dos atletas, Dr. Fernando Bassan, acompanham a evolução do quadro.

Já o atleta Jhonata Ventura está internado no hospital municipal Pedro II, em estado grave. Ele foi atingido na face, membros superiores e mãos, e tem queimaduras em 30% do corpo. Os médicos do Flamengo, Drs. Luiz Baldi e Gustavo Dutra, acompanham a situação de Jhonata, que está sob os cuidados da equipe especializada do Centro de Tratamentos de Queimados.”

 

 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 
AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO