NOTICIAS | FORTALEZA

Cirurgia para reimplantar braço não foi bem sucedida

Filho de nove anos da vítima escapou do acidente ao ceder lugar para idosa. Ela morreu na tragédia
Postado em 06/02/2019 | 20:02
Foto: WhatsApp/TV Cidade

O homem que teve o braço decepado em acidente na avenida Godofredo Maciel, em Fortaleza, passou uma cirurgia no Instituto Doutor José Frota (IJF) e teve o braço reimplantado. Entretanto, o corpo não aceitou o membro e o procedimento foi desfeito na tarde desta quarta-feira (6). A família precisou assinar documentos autorizando que o braço fosse amputado. 

O estado de saúde da vítima, identificada como Antônio Gleyson Xavier (40), é estável, mas sem previsão de alta. O filho do passageiro, um bebê de dois meses, que também estava no ônibus, está bem, mas segue internado em observação. 

Testemunhas relatam que o bebê estava nos braços do pai. No momento do acidente, o responsável jogou o filho para a esposa, que estava no assento ao lado do corredor. O outro filho do casal, de nove anos, estava sentado em um banco próximo. Ele levantou para ceder o lugar para a idosa, que faleceu na tragédia. 

A esposa de Gleyson, Renata dos Santos, disse que a família tinha saído do bairro Aracapé para visitar a avó materna que mora no bairro Quintino Cunha, em Fortaleza. 

Sobre o caso:

Discussão no trânsito termina em grave acidente

Câmera registra ônibus arrastando caminhão após acidente

Motociclista nega discussão, mas assume conflito com motorista 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 
AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO