NOTICIAS | POLÍCIA

Governo de Pernambuco pede rapidez em perícia

Família pernambucana foi morta durante massacre ocorrido em Milagres, no Cariri
Postado em 07/12/2018 | 19:22

Entre as vítimas do massacre em Milagres, no Cariri, estavam cinco pessoas de uma mesma família, natural de Serra Talhada, em Pernambuco, que pediu rapidez na liberação das tanatoscópicas das vítimas. O Governo do Estado, através do secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, afirmou que os pernambucanos foram mortos em uma "operação aparentemente infeliz". 

Eurico ainda disse que está em contato com a titular da Secretaria de Justiça e Cidadania do Ceará, Socorro França, para pactuar nas ações de apoio relacionadas à tragédia de Milagres. O secretário ainda disse que foram "solicitados esclarecimentos do fato, que deverá ficar sob responsabilidade da Corregedoria Geral de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará".

A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos presta apoio psicológico, assistencial e jurídico aos familiares das vítimas pernambucanas. Uma equipe do Centro Estadual de Apoio a Vítimas de Violência (Ceav) foi enviada ao Ceará. 

As vítimas foram identificadas como João Batista de Sousa Magalhães, 46 anos, o filho Vinícius de Sousa Magalhães, 14 anos, a irmã de João Batista identificada como Cleoneide, o cunhado Cícero Bertolino e o sobrinho Gustavo. A família estava a caminho de Juazeiro do Norte, onde buscaria parentes no aeroporto. 

Serra Talhada espera chegada das vítimas 
Na cidade natal dos pernambucanos, o clima era de tristeza. Os corpos foram aguardados durante todo o dia. O empresário e o filho serão sepultados durante a manhã de sábado (8), no cemitério de Serra Talhada. Ainda não existe data para os demais sepultamentos. 

Veja matéria da TV Clube, emissora Record TV em Pernambuco

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO