NOTICIAS | CEARÁ

M. Dias Branco afirma colaborar com investigações

A Polícia Federal deflagrou operação contra doações eleitorais suspeitas
Postado em 10/04/2018 | 19:25

O vice-presidente de Investimentos e Controladoria da M. Dias Branco, confirmou que a sede da empresa, no Eusébio, Região Metropolitana de Fortaleza, foi alvo de uma medida de busca e apreensão, durante a operação "Tira Teima", deflagrada pela Polícia Federal, que investiga a compra de benefícios por empresários, por meio do pagamento de vantagens indevidas a políticos. 

De acordo com nota encaminhada ao Portal CNEWS, a empresa esclareceu que "tem colaborado com as autoridades do país, e que continuará a fazê-lo, sempre sob ampla transparência e boa-fé, comprometendo-se, no mesmo sentido, a informar o mercado na forma da lei". 

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin. O objetivo, segundo a PF, é colher documentos que sirvam de elementos de prova após notícias de que doações de campanha foram feitas para abalizar contratos fictícios com a administração pública.

Conforme publicou O Antagonista, o doleiro Alberto Youssef confirmou repasses de R$ 1,2 milhão ao ex-deputado Luiz Argôlo, por meio das empresas Grande Moinho Cearense e M Dias Branco.

Com agências 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO