NOTICIAS | FORTALEZA

Universitários "abraçam a Reitoria" em protesto

A manifestação acontece em memória ao estudante de Gastronomia, Diego Gonçalves Monteiro
Postado em 09/04/2018 | 14:00

O corpo de Diego foi encontrado no fim de março, mas só foi reconhecido no fim de semana. 

Estudantes do curso de Gastronomia da Universidade Federal do Ceará (UFC), realizam nesta segunda-feira (9), um ato na Reitoria da instituição, no Benfica, contra a violência. A manifestação acontece após o corpo de Diego Gonçalves Lima Monteiro, graduando, ser reconhecido na Perícia Forense do Ceará. Ele foi morto no último dia 29 de março, próximo à Lagoa da Parangaba. 

No ato, colegas abraçarão simbolicamente o prédio administrativo. Os colegas pediram que todos vestissem branco. "O Instituto de Cultura e Arte da UFC e o Bacharelado em Gastronomia conta com a presença de todos", diz mensagem divulgada nas redes sociais.  Após a manifestação, será celebrada uma missa na Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, na Avenida da Universidade. 

Durante a tarde, uma árvore foi plantada em memória a Diego, no Instituto de Cultura e Arte, dentro do Campus do Pici. 

O corpo foi identificado durante o fim de semana, após uma intensa campanha nas redes sociais. Diego tinha sido encontrado ainda no dia em que foi morto, mas não tinha sido identificado. Na data, a vítima estava com um buquê de flores e uma caixa de chocolates. Ele foi morto com um tiro na cabeça. 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@GRUPOCIDADECE.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO