NOTICIAS | POLÍCIA

Após expulsões, Conselho discutirá sobre intervenção federal

Desde o começo da semana, moradores são expulsos da comunidade por traficantes
Postado em 05/01/2018 | 19:05

Foto: WhatsApp/TV Cidade

O Conselho Estadual de Segurança Pública afirmou que realizará uma sessão extraordinária na próxima sexta-feira (12), para debater a a conveniência de se requerer intervenção federal no Estado do Ceará.  A reunião acontece após moradores serem expulsos da comunidade da Babilônia, no Barroso, serem expulsos de suas casas sob ameaças de morte. A ordem para a saída é atribuída a membros de facção criminosa. 

"Um complexo de motivos embalam a inadiável necessidade de se discutir tal providência, tendo se chegado ao apogeu com o inaceitável fato de, recentemente, famílias estarem sendo compelidas pelo crime organizado a deixarem suas moradas, tangidas e escoltadas pela criminalidade", disse em nota, o advogado e presidente do Conselho Estadual de Segurança Pública do Ceará, Leandro Vasquez. 

O Ministério Público tambem está acompanhando o problema na comunidade. De acordo com o MPCE, recentemente foi desencadeada a operação Saratoga, que resultou na prisão de pessoas ligadas ao crime organizado. "Outras ações deverão ser desencadeadas com este mesmo desiderato tão logo sejam ultimadas investigações em curso", disse o órgão, em nota. 

Ainda ontem, a Polícia divulgou a prisão de dois homens e uma mulher, suspeitos de realizar pichações com ameaças a moradores da rua São Cipriano. Com o trio, foram apreendidas duas armas de fogo, balanças de precisão e entorpecentes. 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO