NOTICIAS | POLÍTICA

Ministro libera irmã de Aécio de prisão domiciliar

Foram beneficiados também um primo de Aécio e um assessor de Zeze Perrella
Postado em 07/12/2017 | 08:49

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, liberou nesta quarta-feira (6), Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB), da prisão domiciliar e da obrigação do uso da tornozeleira eletrônica.

A decisão de Marco Aurélio, retira também as outras medidas cautelares impostas a Andrea Neves, como a proibição de sair do país, a obrigação de entrega do passaporte, e a restrição de manter contato com os demais investigados, entre eles o senador Aécio Neves.

Foram beneficiados desta decisão também, Frederico Pacheco, primo de Aécio Neves e Mendherson Souza Lima, ex-assessor do senador Zeze Perrella (PMDB-MG). Os três são investigados por causa da delação premiada do empresário Joesley Bastista, que disse ter sido procurado por Andrea Neves para pedir dinheiro em nome de Aécio Neves.


 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO