NOTICIAS | POLÍCIA

Turistas são presos por divulgar vídeo íntimo com menor

Homens foram detidos após amigas da vítima verem a filmagem compartilhada em um grupo de Whatsapp
Postado em 07/08/2017 | 11:11

Uma ação realizada pela Polícia Civil do Ceará neste domingo (6), resultou na prisão de dois homens, em flagrante, em um flat na Praia de Iracema. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a dupla é suspeita de filmar e divulgar um vídeo íntimo envolvendo uma adolescente de 17 anos.

Segundo as investigações sobre o caso, os dois homens são turistas de Brasília e no sábado (5), conheceram um grupo de garotas e todos saíram para beber. Entre elas estava a vítima, que foi levada pelos homens ao estabelecimento onde estavam hospedados, por volta de 4 da manhã de domingo.

No quarto do flat, com a garota aparentemente desacordada e nua, os dois filmaram um vídeo íntimo e em seguida divulgaram em um grupo de Whatsapp, criado por eles e que tinham, além da jovem em questão, suas amigas, e que serviria para que todos marcassem novos encontros.

Após o vídeo ser divulgado, as amigas da jovem entraram em contato com a Polícia Militar, que seguiu até o local indicado e prendeu os dois em flagrante. De acordo com a SSPDS, um dos indivíduos chega a tocar as partes íntimas da menor.

Os dois homens, que não tiveram a identidade revelada, foram levados até a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde foram ouvidos e autuados por gravar material pornográfico envolvendo adolescente. O autor do vídeo também foi autuado por estupro de vulnerável, por ter tocado na jovem, e por divulgar material pornográfico envolvendo adolescente.

Informações apontavam que um dos suspeitos seria assessor parlamentar, enquanto o segundo trabalharia como estagiário no Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF), o que não foi confirmado pela SSPDS-CE.

A Polícia apreendeu os aparelhos celulares dos dois suspeitos, que foram encaminhados para a Perícia Forense (Pefoce), onde passarão por análise. O caso foi transferido para a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente, que dará continuidade às investigações.

Os dois envolvidos continuam presos.

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO