NOTICIAS | FORTALEZA

Ônibus de Fortaleza passam a circular em comboios

Medida foi tomada após 23 coletivos serem incendiados nas últimas 24 horas
Postado em 20/04/2017 | 18:00

Após uma série de ataques, os ônibus de Fortaleza passarão a circular em comboios e com reforço policial. A informação é do Sindicato das Empresas do Transporte Coletivo do Ceará (Sindiônibus). A medida foi tomada após reunião entre representantes do Sintro, da Prefeitura de Fortaleza e da Segurança Pública. 

Os ataques a ônibus começaram na tarde da última quarta-feira (19) e se estende por mais de 24 horas em Fortaleza e na Região Metropolitana. 

Somente na última quarta, 16 coletivos foram incendiados em Fortaleza. De acordo com o secretário de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa, oito suspeitos foram detidos. Diversas cartas espalhadas em pontos próximos aos locais onde coletivos foram incendiados, mostram a insatisfação, supostamente de facções criminosas, com a transferência de internos dos complexos prisionais de Fortaleza. As cartas apontam uma possível relação entre os crimes e as mudanças no sistema prisional. Já nesta quinta-feira (20), foram registrados ataques a mais sete veículos. 

Por conta dos ataques, um motorista e um cobrador tiveram queimaduras graves pelo corpo e precisaram ser internados no setor de queimados do Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro. 

Leia a nota do Sindiônibus:

"O Sindiônibus, a Segurança Pública do Estado e a Prefeitura de Fortaleza, através da Etufor e Secretaria de Conservação e Serviço Público, reuniram-se, na tarde desta quinta-feira (20), para elaborar uma operação de segurança que garanta a normalidade do serviço de transporte coletivo de passageiros para a população. Os ônibus de Fortaleza irão circular em comboios e com escolta da polícia a partir das 17h de hoje, sem previsão para o fim desta operação". 

 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO