NOTICIAS | CEARÁ

Cartórios do Ceará aderem à integração nacional

Com isso, cidadãos não precisarão mais se deslocar para o cartório de origem para conseguir uma segunda via de certidão
Postado em 20/04/2017 | 17:16

Treze estados do país já fazem parte do Sistema de Integração de Cartórios. A partir do dia 2 de maio, o Ceará também estará conectado a rede. 

A integração veio para facilitar a vida de muita gente, principalmente quem foi registrado ou casou em um estado diferente de onde mora e para conseguir uma segunda via da certidão de nascimento ou casamento teria que se deslocar até a cidade onde fica o cartório, ou pagar um despachante para fazer o serviço, que pode custar mais de R$ 300 reais. 

O cidadão vai poder procurar qualquer cartório para conseguir a segunda via desses documentos. Isso vai ajudar demais o trabalho de todos porque evita o deslocamento dessas pessoas e o pagamento dos valores cobrados pelo despachante. A pessoa vai pagar apenas a taxa cartorial que é apenas ¼ desse valor”, diz Jaime Araripe, presidente da Associação Cearense dos Registradores de Pessoas Naturais. 

Funcionários de cartórios da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) já começaram a ser treinados. Quando o sistema estiver funcionando, a previsão é que seja possível receber uma segunda via de certidão de qualquer lugar do Brasil em até cinco dias úteis.

Quando a pessoa pede o documento, o cartório envia o pedido para o cartório de origem que envia a certidão assinada digitalmente, para provar que aquele documento é autêntico”, explica Humberto Briones, coordenador da Central Nacional de Registro Civil. 

 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO