NOTICIAS | POLÍCIA

Travesti jogada de viaduto continua internada

Hérika Izidoro teve lesões na cabeça e no rosto. Seu estado de saúde é grave
Postado em 22/02/2017 | 18:55

Quase duas semanas após sofrer uma série de agressões por aproximadamente 10 homens e ser jogada de um viaduto na avenida José Bastos, em Fortaleza, segue internada no Instituto Dr. José Frota (IJF), a travesti Hérika Izidoro (24). De acordo com a assessoria da unidade de atendimento, não houve alteração no quadro clínico da paciente. 

Hérika saiu no fim de semana para uma festa com amigos, no bairro Jardim América, em Fortaleza e desde então, não retornou para casa. A jovem teve lesões na cabeça e no rosto. Seu estado de saúde é grave.

O caso é acompanhado pela Coordenadoria da Diversidade Sexual de Fortaleza. Helena Vieira, ativista de Direitos Humanos informou que um Boletim de Ocorrência foi lavrado pela família, para que uma investigação seja aberta. 

Até o momento, nenhum suspeito foi preso. 

A advogada da Coordenadoria, Roberta Lima, acompanha o caso. Roberta foi procurada pelo CNEWS, mas não deu retorno sobre o caso. 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO