NOTICIAS | POLÍCIA

Exército paquistanes mata suspeitos de terrorismo

Ato contra santuário sufista, na quinta-feira (16), deixou cerca de 100 mortos
Postado em 17/02/2017 | 11:08
Foto: reprodução EPA

O Exército do Paquistão matou ao menos 39 suspeitos de terrorismo em várias regiões do país, como resposta ao atentado cometido nesta quinta-feira (16), contra um santuário sufista e assumido pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

A imprensa local contabiliza 100 mortos no atentado ao templo em Lal Shahbaz Qalandar, na província de Sindh, um dos mais sangrentos no país desde o início do ano.

A operação de segurança lançada pelas autoridades paquistanesas prendeu 47 pessoas e matou outros 39 suspeitos. Novas operações devem ocorrer nos próximos dias.

O sufis são seguidores do Islã, podem ser xiitas ou sunitas, mas praticam rituais místicos para entrar em contato com Deus. O EI, que é da vertente sunita, persegue qualquer outra ala dentro do Islã e de outras religiões.

(Fonte: Agência Ansa)

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO