NOTICIAS | CEARÁ

Município vive clima de terror após morte de traficante

Em menos de 24h, dois ônibus estudantis foram apedrejados em Paraipaba
Postado em 16/02/2017 | 18:57

Aulas nas escolas suspensas, parte do comércio fechado, população apavorada, reforço policial nas ruas. Este é o clima na cidade de Paraipaba, a 115 km de Fortaleza, nesta quinta-feira (16).

A situação de violência e medo coletivo teve início na última quarta-feira (15), quando um traficante apontado como membro do Primeiro Comando da Capital (PCC), e que comandava a venda de drogas na cidade, foi morto durante um tiroteio com a Polícia Militar.

O confronto ocorreu por volta das 17h30 de ontem, no Centro do município, quando um grupo de bandidos, liderado por Carlos Augusto Correa Caetano, o “Carlinhos Bombado”, de 26 anos, entrou na cidade. Conforme a Polícia, o objetivo dos criminosos era matar um desafeto.

Durante o tiroteio, um dos comparsas de Carlinhos, identificado como Antônio Eduardo da Silva Geraldo, 20 anos, foi atingido por dois tiros e acabou preso. Um terceiro suspeito, Tiago Marques do Nascimento, 27, que era foragido da Cadeia Pública de Paraibapa, também foi capturado. 

Após o ocorrido, a PM informou que surgiram boatos de que comparsas de Carlinhos, todos ligados ao PCC, estariam ameaçando invadir novamente a cidade e executar policiais e desafetos ligados ao Comando Vermelho. 

Em menos de 24h, dois ônibus que faziam o transporte de estudantes, foram apedrejados na entrada da cidade. As aulas da rede municipal até a próxima segunda-feira (20), conforme comunicado da Prefeitura de Paraipaba no Facebook. 

A Polícia está realizando saturação em diversas comunidades do município para tentar prender outros membros ligados ao PCC e ao Comando Vermelho.

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO