NOTICIAS | FORTALEZA

Fortaleza tem a sétima passagem mais cara

Além da capital cearense, pelo menos seis cidades já reajustaram seus valores nas últimas semanas
Postado em 10/01/2017 | 17:34

As seis capitais que reajustaram recentemente suas tarifas, fixaram valores superiores ao que foi fixado para Fortaleza. Outras capitais deverão reajustar suas tarifas em breve, algumas das quais já praticando valores superiores ao que foi fixado para Fortaleza.


Campo Grande (MS)
R$ 3,55
22/12/2016

Brasília  (DF)

R$ 3,50 02/01/2017
Salvador (BA)

R$ 3,60

02/01/2017
Belo Horizonte (MG)

R$ 4,05

03/01/2017
Teresina (PI)

R$ 3,30

06/01/2017
Florianópolis (SC)

R$ 3,90

08/01/2017

Assim, mesmo com o aumento anunciado nesta terça-feira (10) pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Fortaleza continuará com uma das menores tarifas do país entre as capitais, com ou sem sistema integrado.

O valor da tarifa dos ônibus urbanos de Fortaleza passará de R$ 2,75 para R$ 3,20. O reajuste foi autorizado pela Etufor, em cumprimento aos contratos de concessão para a prestação do serviço de transporte público, que preveem o mês de novembro como o período base para avaliação tarifária.

Foto: Divulgação

“Para nós do Sindiônibus, importante ressaltar que apesar do aumento, Fortaleza ainda terá a tarifa mais barata do país dentre as cidades que já sofreram reajuste. E que o custo dos principais insumos nestes quatro últimos anos aumentaram mais do que a tarifa. Outro dado relevante é que o valor para o estudante teve um reajuste menor”, disse o presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira. 

O reajuste aplicado à tarifa do estudante neste ano terá um percentual menor do que a inteira, de 7,69%, passando de R$ 1,30 para R$ 1,40. Isso trará um benefício aos estudantes de Fortaleza e suas famílias que passarão a pagar um percentual de 43,75 % do valor da tarifa inteira. Os novos preços começam a valer a partir do dia 14/01/2017.

Nos últimos quatro anos, o valor de R$ 3,20 representa um reajuste acumulado de 45,45% na tarifa inteira. No mesmo período, os principais insumos do setor apresentaram as seguintes variações de preço: mão-de-obra 48,58%, óleo diesel 48,35% e veículos 41,33%.

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO