ESPORTES | NAS ONDAS

Bebê busca tetra em fase classificatória em Marrocos

Com o sonho de chegar longe, o atleta não poupa esforços para manter o título de melhor do mundo
Postado em 06/11/2018 | 18:22

Fotos: André Magarao/Slingshot

Apelidado carinhosamente como Bebê, o atleta cearense Carlos Mário, tricampeão mundial de kitesurf de 2015 a 2017, segue conquistando títulos. Com o sonho de chegar longe, o rider, que é referência no esporte, não poupa esforços para manter o título de melhor kitesurfista do mundo. 

Esta semana o atleta embarcou para o Marrocos, na África, onde participa de mais uma etapa do mundial na categoria freestyle. Carlos Mário busca o tetra campeonato este ano, feito realizado apenas pelo kitesurfista Thomas Teixeira, em 2011. Conforme o ranking, Bebê figura no terceiro round. Caso ele passe, seguirá para semifinal e posteriormente, final. Além do brasileiro, um mexicano e um marroquino disputam a vaga. 

Bebê é o único pro rider da história que conquistou nota 10 em campeonato Freestyle. Ele fez isso duas vezes em um mesmo evento. O atleta também foi o primeiro a passar a barra três vezes, manobra conhecida pela dificuldade que o rider enfrenta quando decide executá-la.

Brasileiros recebem vaga para competir no Ceará Kite Pro
Os quatro atletas brasileiros, Marcos Antônio, Rafael Costa, Matheus Silva e Marcela Witt, receberam o wildcard (vaga para convidados) para competir no Ceará Kite Pro, penúltima etapa GKA Kite-Surf World Tour 2018, campeonato mundial de Kitesurf na categoria Strapless, que acontece entre os dias 20 e 24 deste mês na Praia do Preá, litoral cearense. 

No cenário desenhado pela natureza, os atletas terão que "voar" sobre o mar e levar a prancha com eles. O maior desafio consiste justamente nisso: Fazer a manobra e manter o domínio sobre o equipamento, uma vez que não existe nenhuma alça que o prenda a prancha sob os pés do kitesurfista. 

Seguindo a regra da GKA, os primeiros colocados do ranking nacional da ABK (Associação Brasileira de Kitesurf) em 2017 recebem os wildcards. A wildcard feminina Marcela Witt, 3ª colocada no ranking da ABK, conseguiu a vaga porque as duas atletas que estavam a sua frente no ranking não poderão participar da disputa. Os wildcards masculino serão três atletas. Marcos Antônio, 2ª colocado no ranking masculino da ABK, tem apenas 19 anos de idade, é pernambucano, e pratica Kitesurf profissional. Também foram convidados Rafael Costa e Matheus Silva, os dois são Top 3 do Ranking Brasileiro Strapless – Wave.

Em busca de prêmios que totalizam o valor de 25 mil euros e do título de campeão mundial, Marcos Antônio, Rafael, Matheus e Marcela se juntam a nomes reconhecidos como os melhores riders do mundo como Airton Cozzolino, Matchu Lopes, Mitu Monteiro, Camille Dellannoy, Sebastian Ribeiro e Pedro Matos. 

 
VEJA TAMBÉM
 
 
 
 

AV. DESEMBARGADOR MOREIRA 2565
DIONÍSIO TORRES CEP: 60.170-002
FORTALEZA-CEARÁ | FONE: (85) 3198.8888
CNEWS@TVCIDADEFORTALEZA.COM.BR
SIGA O CNEWS
Facebook Google Plus Twitter Youtube Instagram
COMO ANUNCIAR
DESENVOLVIMENTO